Universidade do Minho  

             
 
  Autenticação
 
Mapa do Site
Contactos
FAQs
Email
   
  imprimir
 

O NTP implementa um modelo de sincronização hierárquico distribuído. No topo encontram-se os servidores de tempo stratum 1, computadores ligados directamente a dispositivos conhecidos como "relógios de referência" (ou servidores stratum 0), de altíssima precisão. Tipicamente, estes dispositivos podem ser relógios atómicos, receptores GPS (Global Positioning Systems) ou receptores de rádio.

Qualquer servidor NTP que tenha como referência de tempo um servidor stratum 1 passa a ser um stratum 2, qualquer servidor NTP que tenha como referência de tempo um servidor stratum 2 passa a ser um stratum 3, e assim por diante.
O SCOM, implementou um serviço de NTP baseado numa hierarquia de servidores Network Time Protocol em que foi configurado uma máquina na Universidade do Minho como fonte de sincronização em um servidor da FCCN - Fundação para a Computação Científica Nacional,

O Servidor NTP da Universidade do Minho utiliza um sistema de stratum 3 da FCCN, para se sincronizar, tornando-se portanto um sistema de stratum 4.

Os restantes sistemas internos da UM são sincronizados por este último.

O acesso ao servidor NTP stratum 4 é restrito ás redes da Universidade do Minho, de acordo com uma política de acesso definida pelo SCOM.

Para obter apoio sobre este e outros serviços clique em Apoio


 
  © 2017 Universidade do Minho  - Termos Legais  - actualizado por SCOM Símbolo de Acessibilidade na Web D.